Queridos Irmãos e Irmãs,

Paz e tudo de bom! A comissão de Justiça e Paz dos Superiores Gerais dos religiosos e das religiosas (USG/UISG), situada em Roma, deseja encorajar nossa adesão para refletir sobre o Instrumentum Laboris do Sínodo da África e suas implicações para a vida e o ministério dos Institutos religiosos em África. Os religiosos já não duvidarão de refletirem sobre esse documento juntamente com vários outras parcerias em relação as implicações pastorais, especialmente a nível de paróquia e diocese.

A comissão deseja oferecer três itens, escritos por três religiosos africanos na questão de incentivar a reflexão sobre alguns desafios para religiosos, baseados no processo do Sínodo e no Instrumentum Laboris. Todos os 3 itens estão disponíveis em Inglês, Francês e Português. O conteúdo dos artigos estão baseados no tema do Sínodo. “A Igreja em África no serviço para a reconciliação, justiça e paz, você é o sal da terra.... você é a luz do mundo” (Mt 5,13,14).
**//**[1]**//**

[1]For a copy of the Synod Document go to: http://www.zenit.org/article-25422?l=english


A Integridade da Criação: Desafios para os Religiosos Africanos hoje
Por Frei Ilídio Jacinto Inácio, OFM, Moçambique –



Justiça e Paz na Africa hoje

Por Fr. Agbonkhianmeghe E. Orobator, SJ, Kenya –


Reconciliação na Africa hoje

Por Ir. Teresa Okure, SHCJ, Nigeria –